[ABANDONADOS] Diário de Anne Frank, de Anne Frank.

Esse livro foi sem duvida o livro que eu mais gostei de ter abandonado, já que eu tive opiniões negativas sobre ele, em comparação aos elogios que ele teve diante a mídia e a todos os meus colegas que se apaixonaram pela a história.                                                   
Diário de Anne Frank, vai relatar a vida de uma menina que vive escondida com sua família (E empregada), com vizinhos e amigos, fugindo de serem mortos na Segunda Guerra Mundial.    
Infelizmente, o livro foi super subestimado, já que o livro foi considerado em Best-seller, foi trabalhado em várias escolas e indicado por muitos leitores. 
Muitas vezes durante o livro, acabei pulando páginas, já que apenas o livro fala sobre o dia-a-dia de uma menina, o que começou a me entediar bastante por não ter nenhuma ação e nenhum fato sobre a Segunda Guerra Mundial, e sim MUITO mais sobre a vida de Anne, dos jogos dela e etc. Mesmo pulando muitas páginas, chego até a ultima e descubro que o Diário não tem nenhum informação que possa incrementar o meu conhecimento em 2º Guerra Mundial, apenas alguns vocabulários para denominar o esconderijo e como eles se escondiam e com o apoio de quais pessoas. 
Sou uma pessoa, que gosto de conhecer sobre o Holocausto, já que é o meu tema favorito e quanto mais eu sei, mais preciso saber!!!
Se o tipo de livro que você quer é um que fale sobre os minimos detalhes da Guerra Mundial e que você possa descobrir mais, esse não é o livro para você.

Um comentário:

  1. Olá, tudo bem ? Então, você deveria ter lido o ''diário'' como um relato de uma pré adolescente que passou pela barbárie da Segunda Guerra mundial e não resistiu; e não como um romance. Ao ler seu post pude perceber que você foi até o livro esperando ter um romance com início, meio e fim e detalhes minuciosos sobre o nazismo e a guerra. Se foi com esse objetivo que você leu o livro, realmente leu o errado. Caso se interesse pelo assunto, aconselho a ler livros históricos sobre o assunto e biografias de Hitler . Também aconselho que dê mais uma chance a ele, mas sempre tendo em mente que é a visão de uma criança REAL passando por momentos de reclusão; e não um romance. Logo acredito que não pode haver espaços para se dizer que o livro é mal escrito ou entediante, pois o diário de Anne não foi escrito para ser um livro e sim para diminuir o peso de uma criança que passou por uns momentos mais tristes da história mundial. Espero que volte a dar uma chance !!!

    ResponderExcluir